Serviços

HOME

 Vales Presentes
 Tatamentos Corporais
 Lipocavitação:
 Radiofrequência:
 Corrente Russa ou Aussie:
 Massagem Relaxante:
 Bandagem Crioterápica:
 Bandagem Quente:
 Gessoterapia ou Bandagem Gessada:
 Termoterapia:
 Endermoterapia:
 Ultrassom:

 

Desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a criolipólise usa baixas temperaturas para acabar com a gordura localizada. O aparelho é colocado na superfície da pele, fazendo o congelamento das células de gordura a temperaturas negativas para serem destruídas. Em contato com a baixa temperatura, as células de gordura,  chamadas adipócitos,  se rompem totalmente.

Em consequência, o corpo entende que elas não fazem mais parte do organismo e as expele naturalmente. O tratamento vem fazendo tanto sucesso que está chamado de "a nova lipoaspiração", com a diferença que a criolipólise não é um procedimento cirúrgico.

 

A criolipólise é feita com a ajuda de um aparelho específico, onde manoplas acoplam-se perfeitamente às diferentes áreas do corpo. A ponteira do aparelho realiza um vácuo que promove a sucção da pele e da porção de gordura localizada. Ao mesmo tempo, o resfriamento intenso e controlado da gordura destrói as células de gordura. O resfriamento controlado age danificando seletivamente as células adiposas, que são mais sensíveis ao frio, sem causar qualquer dano a nervos, músculos e outras estruturas próximas. Na prática o que acontece é a morte da célula de gordura.

 

A eliminação é feita pelo sistema imune e a gordura no interior das células é conduzida ao fígado pelo sistema linfático para sua metabolização. Uma vez que o sistema linfático leva apenas uma pequena quantidade diária de gordura para ser metabolizada, não há perigo de sobrecarga do fígado nesse processo.

 

Não é necessária uma preparação específica para a criolipólise. O paciente pode consumir alimentos e se exercitar normalmente antes e depois do tratamento. Não é necessário nenhum exame laboratorial para se submeter à técnica.

 

A criolipólise pode ser feita em qualquer estação do ano, inclusive no verão, e o ideal é se programar antes, já que o resultado completo leva de dois a três meses para aparecer.

 

Pode haver dor no momento da sucção proporcionada pelo aparelho, mas após o congelamento da gordura a região fica anestesiada. Também pode haver desconforto na hora de retirar o aplicador, mas nada muito intenso. Os hematomas não são frequentes, mas quando aparecem são passageiros.

 

A criolipólise pode ser feita em mais de uma região no mesmo dia sem riscos ao paciente.

Uma ou duas sessões já são suficientes para trazer resultados. Mas há casos em que são necessárias mais sessões. A partir do décimo dia a quebra de gordura já pode ser visível, mas o efeito máximo acontece de dois a três meses após a sessão. A melhor maneira de fazer a comparação é com fotografias de antes e depois na mesma posição.

 

Em uma única sessão, estudos científicos em Harvard apontam redução de 20% a 25% da gordura localizada na região tratada, mas os resultados variam de pessoa para pessoa.

 

Caso a gordura removida na primeira sessão não tenha sido suficiente, uma segunda sessão pode ser feita cerca de dois meses após a primeira no mesmo local.

 

Não existem sessões de manutenção, para manter o resultado obtido, mas deve-se evitar o ganho de peso, através de hábitos saudáveis: dieta balanceada e pratica de atividade física.

 

A criolipólise é contraindicada para pessoas com sensibilidade ao frio - como quem tem urticária, por exemplo -, com hérnias no local da aplicação, infecções na pele, para gestantes e para quem passou por cirurgia recentemente.

 

Para quem pretende emagrecer, vale lembrar que o método combate a gordura localizada e não o excesso de peso, pois não atinge gordura em todas as áreas do corpo ou mesmo a visceral, gordura que se deposita entre os órgãos.

 

 

 

 

 Sessões a partir de 04 áreas por apenas R$ 1.000,00  O que é a Criolipólise?

 

A lipocavitação visa a quebra das células de gordura e consequentemente sua eliminação, o que é feito com um aparelho que produz energia ultrassônica de alta intensidade que penetra na pele. Com isso, o resultado é a eliminação da celulite e da gordura localizada.

 

 

A RF tem como maior conceito a produção de calor no tecido subcutâneo, e esse aquecimento faz com que o corpo produza mais colágeno e elastina, e consequentemente melhora aparência da pele e a microcirculação do organismo, diminui rugas e a papada, hidrata a pele, combate a flacidez, a celulite, estrias, fibrose e gordura localizada.

 

 

A corrente russa é utilizada no tratamento estético para melhorar a circulação sanguínea, promover uma melhor drenagem linfática, combater a flacidez e melhorar o contorno corporal, o que ocorre através de estímulos de eletroterapia.

 

 

A massagem modeladora é uma massagem feita com movimentos fortes e profundos, executados de forma firme e rápida, com o objetivo de atingir camadas mais profundas da pele atuando na circulação e melhorando o metabolismo da região. É indicada contra a celulite nos graus leve e moderada. Também são utilizados acessórios para aumentar a intensidade da massagem como: rolos com pequenas ventosas, bambus, bolinhas com texturas, luvas com texturas, entre outros.

 

 

A crioterapia estética é uma técnica que resfria uma parte do corpo utilizando-se cremes específicos para combater a gordura localizada, flacidez e a celulite.

 

 

A bandagem quente é uma técnica que aquece uma parte do corpo utilizando-se sais e óleos específicos para combater a gordura localizada, flacidez e a celulite.

 

 

A técnica consiste em um enfaixamento local com ataduras gessadas, as quais ativam o metabolismo dérmico de gordura da derme e epiderme conseguindo chegar, por si só, até a camada que a gordura se encontra, diminuindo medidas e melhorando o contorno do corpo.

 

 

Realizado com a manta térmica, o tratamento atua promovendo a sudorese, o que é benéfico para a retenção de líquidos e para a eliminação das toxinas do corpo. O calor é usado para facilitar a entrada no corpo de cosméticos ou enzimas aplicadas na pele, portanto os benefícios vão variar de acordo com o objetivo dos ativos, que podem ser para combater celulite, promover redução de medidas, entre outras finalidades. O calor pode também ajudar na quebra das células de gorduras.

 

 

A endermoterapia é um procedimento utilizado para reduzir a gordura localizada e a celulite, realizado com um aparelho que faz uma massagem profunda na pele, estimulando a circulação no tecido, eliminando as toxinas do corpo, as células de gordura e os nódulos de celulite.

 

 

O tratamento com Ultrassom é realizado com um aparelho que emite ondas sonoras promovendo vibrações mecânicas que aumentam a circulação local e alteram a membrana das células adipócitas (células de gordura) favorecendo o extravasamento do conteúdo celular.

 

Unidade Copacabana:

Av. Nossa Senhora de Copacabana,

nº 435 – 9º andar – Sala 910

Tel: 21 2235.3892

Unidade Del Castilho:

Av. Dom Hélder Câmara,

nº5644 – 10º andar - Sala 707

Tel: 21 3586.6198

 

OCORREU UM ERRO , TENTE

DE NOVO

EMAIL ENVIADO COM SUCESSO

Copyright © 2015  - Todos os direitos reservados.